O que foi um sucesso em 2016, promete ser ainda mais empolgante em sua segunda edição. O MUSA - Festival de Música Universitária de Salvador está de volta, e chega para estimular a irreverencia criativa dos estudantes. Todos os universitários da Bahia podem participar do projeto que foi idealizado também para se tornar um espaço de diálogo artístico-musical entre os jovens. As inscrições abrem nesta quinta-feira (17) e podem ser feitas através do site festivalmusa.salvador.ba.gov.br, até dia 17 de setembro.

 

 

Com a parceria da Prefeitura de Salvador, através da Empresa Salvador Turismo (Saltur), o Festival distribuirá R$ 22 mil em prêmios. Serão premiados os primeiros, segundos e terceiros lugares nas categorias Música, Intérprete Masculino, Intérprete Feminino, Instrumentista e Banda, além de um artista plástico, vencedor do designer do Troféu Musa 2017. No primeiro ano, 11 obras foram selecionadas para concorreram ao Prêmio Troféu Musa 2016, que teve escolha popular, e 277 músicas foram inscritas no Festival.

 

 

De acordo com o Presidente da Saltur, Isaac Edington, Salvador se tornou uma cidade propensa a grandes realizações e a coletividade, por isso o Festival chega para fortalecer o calendário de eventos da cidade, ocupando um espaço fundamental. “O Festival vem para potencializar o diálogo e a interação com as universidades e com os estudantes, mas também para engrandecer o cenário da música baiana, para trazer o novo, para gerar oportunidade e assim realizar um grande espetáculo. Salvador é culturalmente e musicalmente plural e o MUSA nos possibilita enxergar os novos talentos”, acrescenta o gestor.

 

 

Para a idealizadora do projeto, Eliana Pedroso, o MUSA aposta na irreverencia artística, fomentada pelo descompromisso com regras de mercado e conceitos pré-estabelecidos, e também, se propõe a ser um espaço de intercâmbio de ideias e de convivência. “É um Festival de musica universitária para ser assimilado como um espaço de ousadia estética, lastro de movimentos artísticos renovadores”, ressalta Eliana.    

 

 

Processos de Seleção - A seleção das músicas concorrentes será realizada em quatro etapas. A primeira é a pré-seleção, onde uma comissão de curadoria, formada pelos músicos Luciano Salvador Bahia, também diretor musical do projeto, Luisão Pereira e Claudia Cunha, irá escolher 14 músicas para concorrer diretamente na semifinal do MUSA. Essa comissão, também indicará mais 8 músicas que irão passar para a fase “Musa Voto Popular”, que prevê apresentações públicas no Café-Teatro Rubi, em 4 de outubro. Nessa apresentação a plateia indicará as 4 últimas composições que irão para a semifinal do festival, somando um total de 18 concorrentes.

 

 

Os 18 finalistas se apresentarão no Parque da Cidade, em 14 de outubro, com acesso gratuito ao público. Já no dia 15 de outubro, segundo dia do Festival, acontece a grande final MUSA, com as 12 musicas selecionadas no dia anterior. Havendo também a premiação das distintas categorias. Para encerrar cada noite o Festival traz uma banda convidada. O padrinho MUSA, o músico Pedro Pondé já é presença confirmada e se apresenta no palco do Festival na grande final.